Total de visualizações de página

quarta-feira, 17 de junho de 2009

A linha e a agulha?


E eu pergunto: O quê?

eu pergunto: Por que?

u pergunto: com quem?

pergunto: onde?

gunto: quando?


Eu e não tu
Comigo.
No vazio excitante
Lá no meu infinito. Esse que você não alcança nem mesmo em sonho.

Nem que queiras.
Nem que nada.



Alguém entende? Entende alguém.
proposiltal, proposital, propositaallllllll... prisão presa...Você, eu.

Carangueijo não é borboleta. Ah, se eu fosse um Sábio Chinês...

Fogo, foguinho, fogão.

Amadurescência?

2 comentários:

Jackson disse...

nao se sabe o que.
nem como,
e quem te acompanha
em qualquer lugar
hoje.

alguém sempre entende
que o que é seu, é só seu!

eu entendendo um pouco
mas tem coisas que tu escreves só pra ti mesmo..propositalmente incompreensivel!
=*

Daniel disse...

alguem entende?
eu não